24 Ago 2019

Polícia de Israel mira premier Netanyahu

  Qua, 14-Fev-2018

A Polícia Federal israelense está investigando por corrupção o premiê Benjamin Netanyahu, que pode ser indiciado.

 

Em um dos casos, o suborno teria sido por meio de presentes cujo valor somaria US$ 280 mil.  Quem pagou foi um empresário israelense-americano, que em troca beneficiado com isenções fiscais.

Noutro, pediu uma cobertura jornalística mais branda ao dono do principal diário do país, Yedioth Ahronoth, a quem prometeu atrapalhar um jornal rival.

Netanyahu nega as acusações.

Israel já processou um primeiro-ministro por corrupção. Ehud Olmert ficou 17 meses na cadeia. Porém, já estava sem mandato. Não é o caso de Netanyahu, que seria o primeiro premier israelense a ser investigado durante o exercício da função.