15 Set 2019

Para os amantes do futebol, cai mais um ídolo. Michel Platini, um dos maiores jogadores da história da França e do mundo, não se deu também como dirigente esportivo. Suspeito de corrupção, foi preso nesta terça-feira em Paris por supostamente favorecer indevidamente a escolha do Qatar como sede da próxima Copa do Mundo, em 2022, quando era ainda o presidente da UEFA, a federação europeia de futebol.

Pela segunda vez em poucas semanas, navios foram atacados nesta quinta-feira (13) na região do Golfo de Omã, uma rota crucial para a distribuição mundial de petróleo. As embarcações Kokuka Courageous e Front Altair, de bandeiras do Panamá e das Ilhas Marshall, respectivamente, vinham navegando na direção sudeste e haviam acabado de passar o Estreito de Hormutz, quando foram bombardeadas. Por essa rota, passam nada menos do que 30% de todo o petróleo que abastece o globo.

A missão chinesa Chang'e-4, que acaba de pousar,  foi a primeira a chegar ao lado mais afastado da Lua, assim como a primeira a descobrir a presença de olivina. Investiga a composição do manto lunar, de forma a explicar a evolução e formação do satélite terrestre. Visa averiguar a teoria de que ela surgiu a partir da colisão da Terra com um corpo celeste.

Julian Assange, criador do WikiLeaks, site de denúncias que o fizeram ser réu de um inquérito por violação de segredos de Estado nos EUA, foi condenado a mais 50 meses de prisão por violações de fiança pela Justiça britânica nesta quarta-feira - perto da pena máxima, que é de um ano.

O presidente da Venezuela, Nicólas Maduro, foi à TV na noite da terça-feira para mostrar que ainda está no poder, ao lado de chefes militares, depois da rebelião promovida pelo líder da oposição, Juan Guaidó, que tenta derrubá-lo convocando as Forças Armadas para a oposição e convocando manifestações públicas. “Isto não pode ficar impune”, disse ele. “Todos os envolvidos devem se render”.

O ex-presidenge do Peru, Alan García, se matou nesta quarta-feira, antes de ser preso pela Lava Jato peruana, que investiga relações de seu governo com a empreiteira brasileira Odebrecht.

O fundador do WikiLeaks, Julian Assange, 47 anos, foi preso pela polícia britânica nesta quinta-feira (11) na embaixada do Equador, em Londres, no Reino Unido.

Assange responde a um processo relacionado a um pedido de extradição feito pelos Estados Unidos e estava asilado na embaixada desde 2012.

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) volta de Israel nesta quarta-feira depois de uma visita em que quebrou a tradição diplomática brasileira de neutralidade na questão palestina, tanto explícita quanto simbolicamente - chegou a visitar o Muro das Lamentações, na companhia do primeiro-ministro israelense.

Não mudou a embaixada de Tekl Aviv para Jerusalém, como chegou a anunciar, mas criou na cidade um escritório de negócios, recebeu o apoio israelense à entrada do Brasil na Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico, e assinou acordos bilaterais nas áreas de ciência e tecnologia, defesa, segurança pública, aviação civil, segurança cibernética e saúde.

O presidente Donald Trump reconheceu oficialmente nesta segunda-feira a soberania de Israel sobre as Colinas de Golã, área de fronteira tomada da Síria em 1967. "Isso estava sendo preparado há muito tempo", afirmou Trump, ao lado do premiê israelense Benjamin Netanyahu na Casa Branca.

Na sexta-feira, diz 16, um ataque em duas mesquitas na Nova Zelândia deixou 49 mortos e 48 feridos. Quatro suspeitos foram detidos. Um deles, o australiano Brenton Tarrant, de 28 anos, entrou atirando e filmou as próprias ações, transmitidas ao vivo e em tempo real.

Página 2 de 5