14 Nov 2019

Neymar foi cortado da Copa América após sofrer uma ruptura do ligamento do tornozelo direito durante o amistoso contra o Qatar na noite de quarta, em Brasília, com vitória da seleção por 2 a 0.

Acusado de estupro por Najila Trindade, modelo que ele colocou no avião para ncontrá-lo em Paris, o atacante lamentou a maré de azar, mas conformou-se. "Depois da tempestade vem a calmaria", escreveu o atacante no Stories do Instagram.

O presidente Jair Bolsonaro foi pessoalmente nesta terça-feira à Câmara dos Deputados entregar um projeto de lei que relaxa punições aos motoristas no Código Brasileiro de Trânsito.

Pelo projeto, que tem de ser aprovado na Câmara e no Senado, sobre de 20 para 40 pontos o limite para suspensão da Carteira Nacional de Habilitação.

O atacante Neymar Júnior retornou à seleção brasileira, que treina para a Copa América na Granja Comary, no rio de Janeiro, em meio à trubulênvia. acusado de estupro por uma mulher de São Paulo, que viajou a Paris e ficou num hotel às suas custas, ele passou também a ser acusado de divulgar fotos íntimas dela, na tentativa de defender-se.

Os protestos em favor da Educação, que acabaram sendo misturados nesta quarta-feira a críticas ao governo Bolsonaro e manifestações de partidos e sindicatos, causaram menos impacto e a posição do ministro da Educação, Abraham Weintraub, que em nota oficial "desautorizou" pais, alunos e professores a protestar contra suas políticas.

Ao atirar contra aqueles que deveria apaziguar, Weintraub coloca mais lenha na fogueira que mais arde desde o início do governo Bolsonaro. Mantém a crise estacionada na frente da sua porta. E jogou contra si o Ministério Público, que lhe deu uma intimação de dez dias para retirar uma nota oficial do MEC, divulgada na quinta-feira, dia 30, na qual o órgão diz que pais, professores responsáveis pelos alunos não poderiam divulgar informações sobre as manifestações, ocorridas em 24 estados da Federação.

O ex-presidente Fernando Collor, que renunciou ao cargo para não ser atirado fora em um processo de impeachment por corrupção, deveria ser, entre todos os políticos do Brasil, ao menos um que aprendeu no couro a lição. Mas não é o que acontece. O tempo passou, e Collor não mudou. Agora senador, está de novo envolvido com velhas práticas da política brasileira, o que, no seu caso, beira a desfaçatez.

Conhecido por "Jenifer", o hit que grudou nos ouvidos de todo o país ("o nome dela é Jenifer, conheci ela no tinder..."), o compositor e vocalista Gabriel Diniz morreu em um acidente de avião nesta segunda-feira, na região de Porto do Mato, em Estância, a 66 km de Aracaju, em Sergipe.

O papa Francisco recebeu esta segunda-feira no Vaticano o cacique Raoni, como sinal de seu alinhamento com a defesa ecológica da Amazônia.

Mais que a previdência, há um outro sistema no Brasil já falido e que representa uma ameaça real e imediata ao país - o sistema prisional, onde se encontra a chave para enfrentamento da violência e do crime organizado no país. Com a terceira maior população carcerária do mundo, estimada em 727 mil presos em 2016, somente atrás dos Estados Unidos e da China, o Brasil apresenta outros números ainda mais alarmantes.

O número de presos no Brasil cresce a uma taxa média de 8% ao ano - o que indica uma falência já configurada e que deve se agravar ano a ano. Existem hoje cerca de 586 mil mandados de prisão em aberto. Isso quer dizer que, se a polícia prendesse todos que estão sob sua mira, a população carcerária do Brasil imediatamente quase dobraria.

"O sistema não é sustentável, tanto orçamentária quanto fisicamente", afirmou o ex-ministro da Defesa e da Segurança Pública, Raul Jungmann, em uma palestra para uma seleta plateia de convidados na Fundação Henrique Cardoso, na tarde de quinta-feira passada. "Como vamos, em 2025 teremos no Brasil 1,4 milhão de presos - uma Porto Alegre."

Preso pela segunda vez em caráter preventivo, o ex-presidente Michel Temer foi liberado novamente da prisão nesta terça-feira, por uma decisão provisória da Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça, que acolheu o pedido de seus advogados. Com ele, saiu livre seu ex-assessor, o Coronel Lima, acusado de operar a seu serviço um esquema de corrupção na construção da Usina de Angra 3. Ficaram na cadeia, no entanto, os 241 mil dos 602 mil brasileiros que se encontram hoje como presos provisórios, isto é,  ainda sem condenação.

Um decreto assinado pelo Papa Francisco reconheceu um segundo milagre atribuído a Irmã Dulce, freira brasileira, o que permite sua proclamação como santa, deacordo com o "Vatican News" - canal oficial de comunicação do Vaticano.

Segundo o site, a canonização da Irmã Dulce acontecerá em "solene celebração de canonizações".